9 de dezembro de 2011

Eu no RJ – Parte 2

>


Já contei aqui no blog sobre a viagem para o RJ (Festival de Cultura Digital), e sobre o dia 02/12/2011 e parte do dia 03/12/2011 que passei por lá. Agora vou falar da comemoração do meu aniversário na noite de sábado (03/12), sobre o ultimo dia do festival (04/12/2011) e por fim, sobre minha viagem de volta para casa, com parada em Montes Claros (MG) para algumas compras.
No sábado, em comemoração ao meu aniversário, eu e alguns amigos resolvemos jantar em um restaurante/bar localizado em Copacabana, o lugar era o Sindicato do Chopp. Pedimos carne assada, arroz, vinagrete, batata frita e claro um Chopp para cada um. Tava tudo bom e o melhor, nem era tão caro como havia pensado, uma porção para 2 pessoas era aproximadamente R$60,00 (lembre-se, estamos falando de Copacabana).
E por falar em Copacabana, claro, depois da confraternização, todos nos decididos caminhar pelo calçadão, o que resultou nessa foto:


Não pude demorar muito, pois o metrô fechava as 00:00 horas, e taxi no RJ, não é dos mais baratos, contudo o dia e a noite do meu aniversário foi bem aproveitado.
Logo pela manhã do dia 04/12/2011, eu e uma amiga, saímos bem cedo para o Cristo Redentor. Foi fácil chegar lá, pois tem uma linha de ônibus (pegar metro não era aconselhável), que para em frente à Estação - Trem do Corcovado, que você pega para chegar até o Cristo, afinal, ele fica em uma montanha.

Você também pode chegar ao Cristo através de Vans que ficam em frente à Estação - Trem do Corcovado, porém eu recomendo o Trem, pois você vai apreciando a paisagem (da para ver o RJ todo), além de conhecer a estatua viva.


A viagem de Trem para o Cristo demora cerca de 20 minutos e custa R$42,00, já com ingresso incluído (cobram ingresso para ver o Cristo), porém, se você tiver carteirinha de estudante, como eu, fica pela metade do preço (em cidade grande a meia-entrada é respeitada, viu!!!).
Depois de pegar o trem, subir em meio à mata nativa, chegar ao Cristo Redentor, foi uma das melhores experiências que tive. Quando chegamos vemos ele de costas, mas mesmo assim é muito bonito, depois é só subir por umas escadas e tirar quantas fotos quiser, ou melhor, fazer de tudo para tirar uma boa foto, aquela tradicional de braços abertos, pois lá tem muito turista e é quase impossível conseguir tirar uma foto sem ninguém do seu lado atrapalhando, mas eu consegui tirar uma, veja só:



Depois do grandioso passeio, fui direto para o Museu de Arte Moderna (MAM) para participar das ultimas programações. Aproveitei um intervalo entre a programação do festival para andar de bicicleta elétrica pelo museu (apenas R$4,00 – a hora), que tem um belo jardim, e uma praia muito bonita, próxima ao local.


As 18:00 hs do dia 04/12/2011, me despedi do pessoal (amigos e novos amigos) do festival e fui direto para o Hostel, tomar um banho, fazer as malas e correr para a rodoviária. Meu ônibus saia as 20:00 horas e eu chegaria a Montes Claros (MOC), uma cidade próxima da minha cidade (Januária), na manhã do outro dia (05/12/2011).
Eu e minha colega, que também é de Januária e me acompanhou no festival, logo que chegamos a MOC aproveitamos o tempo livre para ir ao Montes Claros Shopping Center e comprar algumas coisas (lá é mais barato que na minha cidade). Comprei algumas blusas na loja Avenida e um Óculos da Chilli Beans, que há muito tempo procurava e que estava super barato.


Os óculos foi uma boa aquisição, pois meu rosto é fino/pequeno e nunca havia encontrado um óculos que desse certo e que eu gostasse tanto. Assim que der, vou fazer um post, sobre óculos adequados para cada tipo de rosto.
Bom, essa postagem foi um pouco do que aconteceu na minha viagem para o Rio de Janeiro, para participar do Festival Internacional de Cultura Digital (02/12 a 04/12/2011), espero que tenham gostado e tomara que breve apareçam mais viagens para mim.
Até mais.
Postado por sorrisonafoto às 20:00

0 comentários:

Postar um comentário

Mande-nos um e-mail